IT TAKES TWO TO TANGO

M/6 . '40 minutos

criação: Guilherme de Sousa & Pedro Azevedo

direção: Guilherme de Sousa 
cenografia e figurinos: Pedro Azevedo
desenho de luz: Francisco Campos
apoio ao movimento: Pedro Quiroga Cardoso

interpretação: Guilherme de Sousa e Pedro Quiroga Cardoso

produção: Assédio Teatro

apoio: Teatro Municipal do Porto 
 

Duas pessoas, num dia que parece invariavelmente repetir-se, aguardam estímulos que mudem o rumo de um tempo morto, algo que as mudem nesse mesmo tempo.
Duas pessoas, ou duas facetas de uma mesma pessoa que se complementam e que, mesmo que possam chocar quando postas em confronto, não saberiam viver uma sem a outra. Preenchem o tempo movendo-se num “lugar sem nome”, salientando a diferença de diálogo que cada uma delas estabelece com o espaço que habita rotineiramente.
Esperando o consentimento mútuo para mudar.

Porque são precisos dois para dançar o Tango.

fotografia Pedro Azevedo
fotografia Pedro Azevedo
fotografia Pedro Azevedo
fotografia Pedro Azevedo
fotografia Pedro Azevedo
fotografia António Alves
fotografia Pedro Azevedo
fotografia Pedro Azevedo
1/2